sábado, agosto 30, 2008

ALEGRIA SÚBITA


Uma alegria súbita
invadiu meu ser
minh’alma sorria
meu coração,
do seu âmago,
irradiava felicidade
é o amor.
Ansioso corri
fui ver a lua
que prateada,
sorria para mim,
corri, corri mais
tropecei numa flor
que com o impacto
chorou
e por vingança,
seu espinho
me feriu.
Fiquei triste
de remorso chorei
tomei a flor
nas mãos
e beijando-a
pedi perdão.....
.............................
Eu amo a rosa.
Chl
Abr/1970

Um comentário:

Manhosa disse...

Mexeu com o meu oração...

Já li e reli varias...
Uns... com verdades cruas... Algumas... dá para sentir teu coração...

Amei... vou voltar...

Bjs.